Fazenda Santo Antônio

Prazer em produzir um
Café Especial
Café Especial
Slider

Nosso foco é qualidade

Produzimos CAFÉS ARÁBICA das variedades CATUAÍ AMARELO, CATUAÍ VERMELHO, CATUCAÍ AMARELO, MUNDO NOVO, ICATU AMARELO, OBATÃ e ARARA.

Os cafés especiais microlotes são secados em “terreiros suspensos” para termos um controle maior do padrão de qualidade.

Montamos um laboratório na fazenda para degustação e avaliação da qualidade dos nossos cafés. O laboratório consiste em mesa de classificação, torrador de amostras, mesa de degustação e acessórios para degustação.

Dispomos de um Q (QUALITY) ARABICA GRADER na família, certificado pelo CQI COFFEE QUALITY INSTITUTE e BSCA BRAZILIAN SPECIALTY COFFEE ASSOCIATION.

Café especial em grãos, 250 g

Café em grãos para espresso, 1 kg

Café moído, 500 g

Café em Cápsula Compatível com Máquinas Nespresso

Cafés especiais microlotes

Laboratório

Nosso laboratório para a análise da qualidade dos nossos cafés.

Torra

A nossa torra é feita por FLAVIO ZERBINATTI da GRAND BINATTO, torra de cafés especiais em Mococa.

Tradição e Qualidade

O Café “Fazenda Santo Antônio” é cultivado há gerações, de forma sustentável, na tradicional região cafeeira de Mococa. Fornecemos um produto de excelente qualidade, para que o consumidor aprecie o melhor café.

Safra atual

Estamos secando uma amostra de grãos maduros das diferentes variedades de cafés para avaliar a qualidade do café. Algumas das variedades são: Catuaí Amarelo, Catuaí Vermelho, Catucaí Amarelo, Mundo Novo, Icatu Amarelo, Obatã e Arara.

Linha do tempo do café

Cuidados na produção do Café Fazenda Santo Antônio a cargo do Agrônomo da família, formado pela UNESP Campus de Jaboticabal.

01

O Plantio

1ª Etapa

Tudo começa com a seleção dos melhores cultivares que são plantados em áreas acima de 800 m de altitude. O espaçamento de cada talhão é definido de acordo com as características topográficas do terreno para evitar auto-sombreamento ou insolação excessiva.

02

A Lavoura

2ª Etapa

Os tratos culturais efetuados seguem as melhores práticas recomendadas por especialistas. Anualmente são efetuadas amostragens de solo de todos os talhões para a correta correção do solo e reposição dos nutrientes. As desbrotas, o manejo adequado do mato, de pragas e doenças segue o modelo de sustentabilidade e procura respeitar o meio ambiente.

03

A Colheita

3ª Etapa

A colheita é sempre detalhadamente planejada no intuito de se obter um café superior. Ela é efetuada de forma manual e cuidadosa no pano.

04

O Preparo

4ª Etapa

Após a colheita o café é lavado e limpo para a eliminação de impurezas e separação dos frutos com diferentes densidades para uma secagem uniforme.

05

Secagem

5ª Etapa

A pré-secagem é efetuada em terreiros pavimentados e a seca final em secadores mecânicos, preservando a qualidade do café. Os cafés especiais são secados em terreiros suspensos.

06

Armazenamento

6ª Etapa

O café é armazenado em tulhas especiais até o momento do beneficiamento.